A venda em todos. A venda para todos.

Esta é uma questão que encontro, repetidamente, em empresas de software: cada área da empresa tem metas, prazos e objetivos específicos e trabalha para alcançá-los. Cada área é uma divisão e, tal qual a semântica do termo, atua como se dividida a empresa estivesse. Cada área pouco enxerga como beneficiar ou se beneficiar da área ao lado. Seu foco, preocupação e cobrança se restringe às suas 4 paredes. Integração? Bonita no papel, pouco existente na prática. Vendas? "Já tenho muito o que me preocupar aqui, que a área comercial se preocupe com elas", chegam a falar vários (reconhece-se?).

Cada divisão ou área pensa, sente fala e age como se 'não lembrasse' que uma 'divisão' de um 'todo' ela é. Com tantas partes esquecendo do todo, com tantas metas/prazos/objetivos parciais/divisionais se sobrepondo aos da empresa, surpresa não pode ser resultados aquém do esperado. Mas estar aquém incomoda...

Porque, por natureza, o ser humano é um inquieto engenheiro criativo que quer ser bem-sucedido. Somos todos solucionadores de problemas. Autoconfiantes, logo percebemos que o problema de um pode ser o problema de muitos... e é assim que nos tornamos idealizadores, executores e vendedores de projetos, produtos e serviços para terceiros... e é assim que nos tornamos negociadores de prazos, prioridades e condições...

'A venda em todos' é então uma invocação e chamado à venda que existe em cada um, para que a venda cresça, apareça, se faça, se pratique, se espalhe e se fortaleça. Que cada pessoa em cada área ou divisão perceba e se responsabilize pelas consequências do seu trabalho para as vendas da sua empresa. Que não se pense, sinta, fale ou aja como se o cliente não fosse a sua prioridade... porque sem cliente não há divisão ou empresa! Que cada um se dedique a estudar e a conhecer o portfolio de produtos e serviços e a base de clientes reais e potenciais da sua empresa. Que não se delegue exclusivamente à área comercial a venda primeira, repetida ou cruzada de cada cliente. Que todos olhem através dos olhos dos clientes em cada palavra falada, em cada documento escrito, em cada atendimento dado, em cada processo criado, em cada produto, serviço e/ou projeto desenvolvido e oferecido.

'A venda para todos' é um desejo para que todos sejam bem sucedidos no que fazem e vejam a venda acontecendo dia após dia. O mundo precisa de software, o mundo precisa cada vez mais da inteligência codificada do software. Quanto mais a venda estiver em todos, maior será a venda para todos.

Estando a empresa bem-preparada, focada e integrada, e tendo o bem nos propósitos, intenções, atitudes e ações, a venda será crescente e o sucesso terá vida longa.

Comentários