por que isso x o que posso fazer com isso = inteligência

Postura. Atitude. Medida. Vendedor, vencedor, visionário, aprendiz, mentor, o que for, há uma diferença grande entre a postura do "por que isso?" comparada à atitude do "o que posso fazer com isso?"...

"Por que isso?" é investigativa, entra no detalhe das causas para entender as consequências. Este é o lado bom - e que assim seja e permaneça. Porque... além da investigação, outro lado há, e este outro lado pode ser negativo: o lado da frustração, do rancor, da melancolia por não ter o "aquilo"...

"O que posso fazer com isso?" é também uma atitude investigativa, entra na detalhe da observação para construir hipóteses, desenvolver novos cenários. "O que posso fazer com isso?" é uma atitude proativa, bastante positiva em essência... desde que conduzida por alguém que não se perde no devaneio, na desorganização, na falta de priorização e concreta ação.

Conhecer muito bem os problemas, interesses e necessidades do mercado onde temos mais fôlego para competir é forte ponte e elo entre as posturas do "por que isso?" e do "o que posso fazer com isso?". 

A inteligência na venda está em saber o porquê e o que é possível fazer na oferta e na venda para quem precisa muito do que conhecemos muito bem. De forma verticalizada. E com postura e atitude numa medida que seja plenamente certa.

Comentários