Qual é o destino das grandes ideias?

E tantas vezes vejo grandes ideias se tornando úteis aplicativos. Sendo desenvolvidas, aceitas e usadas por públicos-alvo que foram muito bem definidos e abordados. E vejo quão felizes todos os empenhados no trabalho ficam.

E tantas vezes vejo grandes ideias que se tornaram úteis aplicativos que "não são" usados pelo público porque o público-alvo não foi nem bem definido nem bem trabalhado. E iludidos sobre o que fazer (mais desenvolvimento?) alguns da equipe ficam. E adiam.

E tantas vezes vejo grandes ideias que não se tornaram úteis aplicativos por falta de recursos ou de fé. E fica uma trava na garganta ao não se saber se aquelas ideias seriam ou não úteis ao público, ao mercado, se tivessem sido bem desenvolvidas - e se o público-alvo tivesse sido muito bem definido e trabalhado.

Grandes ideias surgem da observação de problemas não resolvidos, de "insights", da combinação criativa de variáveis ou elementos. Definir e trabalhar muito bem o público-alvo e posicionar inteligentemente produtos ou serviços desenvolvidos, sempre "olhando o processo através dos olhos dos clientes", é chave para que grandes ideias se tornem "grandes"... "sucessos"... "úteis aos outros"...

Comentários